Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com as nossas Políticas de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

 Fica denominada de Iracema Maria Rosa a área de convivência do Lago União - Portal Cordero Virtual

Fica denominada de Iracema Maria Rosa a área de convivência do Lago União

O projeto de lei é de autoria do vereador Sérgio Balthazar Rodrigues de Oliveira (PT)

29/04/2021 09:37:01
Faça o seu cadastro para receber nossas novidades
Compartilhe:
Fica denominada de Iracema Maria Rosa a área de convivência do Lago União
Fica denominada de Iracema Maria Rosa a área de convivência do Lago União
De autoria do vereador Sérgio Balthazar Rodrigues de Oliveira (PT), foi aprovado durante a 13ª Sessão Ordinária nesta última terça-feira (27), o projeto de Lei nº 22/2021, denominando de  “Iracema Maria Rosa” a Área de convivência do Lago União. 

Iracema Maria Rosa

Há 95 anos, em uma fazenda chamada Santo Antônio no interior de Minas Gerais nascia Dona Iracema Maria Rosa, uma menina de origem indígena filha de um casal muito pobre seu José Estanislau e Maria Rita, Dona Iracema tinha mais 13 irmãos, sendo ela a segunda mais velha. 

Como tradição da época, ainda menina Dona Iracema foi prometida a casamento ao Sr. Geraldo Lucas, um homem de descendência africana, ao completar seus 23 anos eles se casaram e tiveram 07 filhos, Ailton, João Batista, Valtair, Sônia, Dazinha, José Manoel, Maria do Rosário.

Vivendo na Fazenda Nossa Senhora Aparecida e sem estudos, seu Geraldo esposo de Dona Iracema trabalhava na lavoura com plantações de milho, colhia café e metade do lucro de seu trabalho ficava para seu patrão.
A cada safra de café que terminava a esperança diminuía, seu Geraldo ia à procura de mais uma fazenda para enriquecer o patrão e a mesma história se repetia, mas Dona Iracema sempre foi religiosa nunca perdeu a esperança em Deus e em Nossa Senhora Aparecida.

Até quem em 1986 sua filha Sônia se casou e veio morar em Cordeirópolis, logo em seguida em 1992, Dona Iracema seu Geraldo e vieram para perto da filha trazendo com ele parte de sua família.

Foi então que a luta por uma vida melhor começou.

Juntos eles criaram vários agregados os considerando como filhos junto com os seus próprios filhos, e sempre lutando por uma vida melhor.

Com o passar dos anos seu Geraldo adoeceu a acabou falecendo aos 87 anos de idade, deixando Dona Iracema aos cuidados de seus filhos que sempre estiveram presentes.

Na companhia de sua filha Sonia, para distração e diversão Dona Iracema conheceu o Lago União, onde passou a pescar quase todos os dias da semana fazendo muitas amizades, ganhou até um apelido “A Rainha do Lago”.
Hoje com 95 anos de idade, depois de ter criado seus 7 filhos, é avó e bisavó e continua com toda disposição que Deus lhe deu, sempre presente no Lago União e sempre presente com seus familiares.
As sessões ordinárias, sessões solenes, audiências públicas e demais eventos institucionais da Casa podem ser acompanhados, ao vivo, pelo site www.camaracordeiropolis.sp.gov.br ou através da rádio FM 106,3.

Fica denominada de Iracema Maria Rosa a área de convivência do Lago União

Fonte: Assessoria Imprensa Câmara Municipal Cordeirópolis
Faça o seu cadastro para receber nossas novidades
Compartilhe:
ÚLTIMAS NOTÍCIAS


2001-2021 - Portal Cordero Virtual
CNPJ: 24.503.804/0001-71