Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com as nossas Políticas de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

 Ganhador do Nobel de Física é entrevistado por alunos do Jandyra - Portal Cordero Virtual

Ganhador do Nobel de Física é entrevistado por alunos do Jandyra

A entrevista foi feita por Skype e durou cerca de uma hora

06/10/2021 14:42:41
Faça o seu cadastro para receber nossas novidades
Compartilhe:
Ganhador do Nobel de Física é entrevistado por alunos do Jandyra
Ganhador do Nobel de Física é entrevistado por alunos do Jandyra
Alunos e professores do Colégio Jandyra de Limeira viveram um momento histórico na tarde desta terça-feira, 5 de outubro. O grupo entrevistou o físico norte americano Eric Cornell, ganhador do Nobel de Física de 2001.

A entrevista foi feita por Skype e durou cerca de uma hora. As alunas integrantes do projeto Embaixadoras das Ciências foram as responsáveis por fazerem as perguntas. As estudantes pesquisaram sobre a vida do cientista e mesclaram perguntas da área pessoal e profissional.

Quem começou a entrevista foi a estudante Livia Germano Roldan, de 15 anos, que cursa o 1º ano do Ensino Médio. O que mais chamou a atenção da estudante foi o fato de que o pesquisador conseguiu transmitir tanto o lado profissional quanto pessoal. “Isso foi ótimo para nos instruir e guiar todos nós, alunos, a ter uma visão mais crítica sobre Ciências. Também gostei muito de ter colocado em prática meu inglês”, destacou a aluna.

Para o professor Yuri, que foi o responsável por conseguir a entrevista com o cientista, o ponto principal da conversa foi quando o cientista falou sobre a vida dele e destacou a importância da educação. “Ele disse que um dos momentos mais sublimes da carreira foi quando conseguiu fazer o experimento que comprovasse o que ainda estava na teoria e que, anos depois, o rendeu o Nobel de Física que é justamente o Condensado de Bose Einstein”, contou o professor.

Outro ponto destacado pelo professor Yuri, que é fã declarado do pesquisador, foram as curiosidades dos bastidores do Prêmio Nobel. “Ele lembrou de como ficou sabendo que tinha sido laureado com o prêmio. Na época, ele e a esposa ficavam revezando de duas em duas horas para cuidar da filha que era bebê e o comitê do Prêmio Nobel não conseguia encontra-lo. Ele ficou sabendo da notícia por um ex-professor que ligou parabenizando”.

No final da entrevista ele se emocionou ao contar que perdeu um parente pelo Covid 19. “Vivemos um momento difícil que a ciência está provando mais uma vez o quanto ela é necessária”, disse o cientista emocionado.

Entrevistas como essas comprovam a essência do Colégio Jandyra. “Somos uma escola diferenciada porque nós olhamos para o aluno e os preparamos para a vida e para as escolhas profissionais de cada um deles. Não estamos preocupados apenas em passar conteúdo na sala de aula, mas como ele pode usar o conhecimento na vida deles. Esse realmente foi um momento histórico para todos nós”, destacou Yuri.

SOBRE O CIENTISTA

Dr. Cornell graduou-se em Física na Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, como melhor aluno da universidade e doutorou-se no Instituto de Tecnologia de Massachussets, o famoso MIT. Em 1995, ele e os pesquisadores Carl Wieman e Wolfgang Ketterle conseguiram realizar um experimento que comprovou o quinto estado da matéria, o chamado Condensado de Bose Einstein (previsto por Albert Einstein e Satyendra Nath Bose, no ano de 1925). Seis anos depois, o trio venceu o Nobel de Física.

Em 2004, o Dr. Cornell foi acometido por uma rara doença, a fasceíte necrosante, uma doença de infecção bacteriana grave que destrói o tecido debaixo da pele. Por conta da doença, ele teve que amputar o braço e parte do ombro esquerdo.

O QUE É O CONDENSADO DE BOSE EINSTEIN?

Precisamos relembrar os famosos estados da matéria: sólido, líquido e gasoso. Depois destes três estados, comumente ensinados nas escolas, temos o quarto estado da matéria, chamado de Plasma, e, por fim, o quinto estado, o Condensado de Bose Einstein. Neste estado, os átomos estão próximos ao zero absoluto (o zero absoluto é corresponde a -273,15 ºC), e próximo a esta temperatura os efeitos quânticos podem ser observados à escala macroscópica. A comprovação experimental do condensado fornece entendimentos preciosos acerca da composição da matéria, possibilitando descobertas e o desenvolvimento de novos materiais.
Ganhador do Nobel de Física é entrevistado por alunos do Jandyra
Ganhador do Nobel de Física é entrevistado por alunos do Jandyra

Fonte: Dínamus
Faça o seu cadastro para receber nossas novidades
Compartilhe:
ÚLTIMAS NOTÍCIAS


2001-2021 - Portal Cordero Virtual
CNPJ: 24.503.804/0001-71