Prefeito de Limeira pede mobilização de escolas estaduais e particulares no enfrentamento da dengue - Portal Cordero Virtual
09/03/2019 14:20:01

Prefeito de Limeira pede mobilização de escolas estaduais e particulares no enfrentamento da dengue

Botion agradeceu a presença dos educadores e falou sobre a necessidade de envolvimento de professores e alunos na prevenção do Aedes aegypti – que além da dengue, é o transmissor da Zika e da Chikungunya.

O prefeito Mario Botion reuniu-se na tarde desta quinta-feira (7), na Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA/Unicamp), com representantes de faculdades, Senac, Senai e de escolas estaduais e particulares de Limeira. A iniciativa foi do Gabinete de Prevenção e Emergência no Combate ao Aedes Aegypti, que é presidido pelo prefeito, visando articular ações de prevenção à dengue no município. As escolas estaduais foram convocadas pela diretora Regional de Ensino, Isabel Cristina Pivetta Fodra, que também compareceu ao evento.

Botion agradeceu a presença dos educadores e falou sobre a necessidade de envolvimento de professores e alunos na prevenção do Aedes aegypti – que além da dengue, é o transmissor da Zika e da Chikungunya. O prefeito ressaltou que o trabalho de controle e prevenção do mosquito foi intensificado nos últimos dois anos, com destaque para os mutirões e o controle do vetor dentro das residências – ação denominada “casa a casa”. Outro aspecto mencionado por Botion foi a organização do “Dia D” nas escolas municipais, em 28 de fevereiro, quando as unidades desenvolveram ações de conscientização.

A realização do megamutirão contra dengue, marcada para o dia 16, também foi destacada pelo prefeito. Ele observou que na semana passada, houve uma reunião semelhante, para mobilizar as escolas municipais e os “síndicos” dos prédios públicos (servidores designados para fazer a prevenção de criadouros dentro das repartições da prefeitura). “Será um dia importantíssimo e convidamos todos vocês – gestores de escolas estaduais e particulares – a contribuírem nesse processo”, frisou. 

Acompanhada do diretor de Vigilância em Saúde, Alexandre Ferrari, a chefe da Divisão de Controle de Zoonoses, Pedrina Aparecida Rodrigues Costa, apresentou dados sobre o avanço da dengue em todo o estado, incluindo o município de Limeira. Até o momento, foram contabilizadas 45 ocorrências da doença, incluindo dois casos do tipo 2 – que não era registrado no município há pelo me nos dez anos.

Pedrina mostrou como é feito o trabalho de controle e prevenção ao mosquito no município e enfatizou que a medida mais importante é a “eliminação de criadouros”. Ela também apresentou o resultado da Avaliação de Densidade Larvária, que apontou situação de “alerta” para dengue em Limeira, com índice de infestação de larvas do mosquito de 1,7. “O Aedes aegypti é um mosquito urbano, que necessita estar perto das pessoas e que prefere os criadouros artificiais, como ralos e objetos inservíveis”, afirmou. 

O diretor da Escola Estadual Otávio Pimenta Reis, André da Silva Cruz, avaliou positivamente a reunião com o prefeito e salientou que a unidade, ondem estudam 560 alunos do ensino fundamental, realiza ações permanentes de prevenção. Ele esclareceu que esse trabalho conta com apoio dos professores de Ciências, que desenvolvem atividades voltadas para alunos e seus familiares. “Essa reunião é importante, pois mostra o apreço de todas as esferas do Poder Público com o tema”, disse.

Foto(s): Adilson Silveira
Fonte: Imprensa Prefeitura de Cordeirópolis

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

COBERTURAS

CLIQUE AQUI E VEJA MAIS FOTOS

2001-2019 - Portal Cordero Virtual
CNPJ: 24.503.804/0001-71