Jovens e o Socialismo - Portal Cordero Virtual

Jovens e o Socialismo

09/11/2019 13:17:54
Muitos jovens no mundo estão vivendo uma era de abundância jamais alcançada na história da humanidade. A juventude dos países mais desenvolvidos encontram com muita facilidade supermercados com prateleiras fartas, a qualquer hora, com preços bastante acessíveis. Jovens, vocês estão vivendo um momento bastante privilegiado.

Isso pode dar uma falsa sensação de que toda essa abundância sempre existiu e sempre vai existir. E por essa sensação é que muitos olham para o sistema e pensam: Se temos essa abundância, por que não dividir? Por que não colocar o Estado equilibrando as coisas e distribuir tudo isso?

Pensar assim é bastante tentador, de fato, mas também é um erro básico de quem não conhece bem economia e história. 

Um dos maiores economistas do século passado, Schumpeter, já havia identificado essa tendência dentro de um sistema capitalista. Ele se preocupava com a hipótese de que as pessoas mais jovens, vivendo sob a opulência, passariam a ver essa situação como um fato consumado, e assim, preparariam o terreno para sua própria destruição, clamando pelo socialismo.

Seu argumento, de maneira resumida, diz que uma economia de mercado, com indivíduos fortemente empreendedores, gera um grande crescimento econômico e aumenta acentuadamente o padrão de vida das pessoas. Ironicamente, no entanto, essa sociedade se torna tão próspera e tão inovadora, que passa a ignorar a fonte de toda a sua riqueza, dando-a como natural, corriqueira e automática. Essa sociedade se esquece de como a economia de mercado é frágil.

As pessoas começam a acreditar que os mercados — e a ordem social e cultural que os mantém funcionando — são ineficientes e precisam da atuação estatal para melhorar a distribuição de tanta abundância.

Com o tempo, a sociedade acaba abraçando idéias socialistas.

Falando mais coloquialmente, nós nos tornamos gordos e preguiçosos, e passamos a ficar obcecados com a ideia de distribuição de riqueza e não com os pilares sobre os quais sua criação é possibilitada. E é a partir daí que as tragédias começam a ocorrer. 

O socialismo, onde quer que tenha sido tentado, desde a União Soviética em 1917 até a Venezuela atual, foi um desastre total, não importa quais eram as intenções originais. Socialistas sempre prometeram igualdade e abundância, mas em vez disso, sempre entregaram tirania e inanição. 

Como disse Thomas Sowell, "O histórico de desastres do socialismo é tão óbvio, que somente intelectuais poderiam ignorá-lo".
 Politiconomia - Portal Cordero Virtual
Politiconomia
Por: Marcelo L. Braga
Espaço para trazer assuntos da economia e da política, ajudando na formação de opiniões e cidadania.
Compartilhe:
MAIS ARTIGOS DESTE COLUNISTA

Outras Colunas:
Os conteúdos publicados por colunistas ou visitantes no Portal Cordero Virtual não expressam a opinião do Portal Cordero Virtual, sendo de responsabilidade de seus autores. Clique aqui e veja os Termos e Condições de Uso do Portal Cordero Virtual.
Clique Aqui

2001-2020 - Portal Cordero Virtual
CNPJ: 24.503.804/0001-71