Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com as nossas Políticas de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

 Igreja de Santo Antonio, 134 anos de história - Portal Cordero Virtual

Igreja de Santo Antonio, 134 anos de história

13/06/2020 18:07:44
Conforme temos insistido nos últimos anos, a Igreja Matriz de Santo Antonio, localizada no centro geográfico do Município de Cordeirópolis, tem origem na construção realizada a partir de 9 de março de 1886, conforme reportagens de jornais de São Paulo e do Rio de Janeiro. 

Durante quinze anos, o templo era simplesmente uma capela, situada na povoação de Cordeiro (ou Cordeiros, como foi chamada durante muito tempo), a meio caminho entre as cidades de Rio Claro e de Limeira. Ela estava situada em um local que, progressivamente, adquiriu as mínimas estruturas para o seu funcionamento: a praça central, que começou a ser implementada em 1887; a primeira escola pública, criada por lei em 1889; a delegacia, criada em 1890 e em 1899, o cartório de registro civil e o tabelionato de Notas. E, 1901, a então Capela foi elevada a Paróquia, separando-se da Matriz de Nossa Senhora das Dores de Limeira. 

Segundo valiosas informações reunidas no livro editado por Mario ZocchioPasotto, após vinte anos de sua construção, iniciaram-se as obras de ampliação, que duraram três anos. A inauguração da ampliação do edifício original foi realizada em 9 de novembro de 1909, conforme placa que durante muito tempo esteve afixada na entrada da igreja. 
Depois de muitos anos, a comunidade católica se esforçou para a ampliação do patrimônio local. A partir da doação feita por Elias Abrahão e sua mulher em 1925, após cinco anos de trabalho, em 1930, foi inaugurada a Casa Paroquial, demolida há alguns anos. 

Durante a década de 1930, houve a preocupação em criar um local para reunião dos fiéis para atividades não necessariamente vinculadas a atividades religiosas. Em 1933, foi construída a Sede Social Católica, numa casa situada ao lado da Igreja. Em 1935, foi construída a torre, relógio e sinos, que continuam até hoje. 

Na Sede Social Católica, por muito tempo funcionou um cinema, que a partir de um certo período recebia filmes de uma distribuidora de Rio Claro. Segundo informações de contemporâneos, filmes famosos como “O Exorcista” e “Romeu e Julieta de Franco Zefirelli” foram exibidos no local, e fizeram bastante sucesso. 

Em 1961, optou-se por uma reforma radical, eliminando a estrutura herdada dos 75 anos iniciais, reformada no início do século, criando um tempo de linhas “modernas”. Há pouco mais de quarenta anos, o prédio da Sede Social Católica foi inteiramente reformado, transformando-se no Centro de Pastoral, onde eram realizados eventos religiosos e sediava as classes de catequese. 

A estrutura construída na década de 1970 começou a sofrer problemas no início deste século. Após uma interdição determinada pela Justiça, em 2009, a igreja ficou fechada por alguns anos para uma nova reforma, onde foram recuperados os traços arquitetônicos tradicionais, mesclados com as ações necessárias para adaptação à moderna legislação de segurança. Por fim, a Igreja Matriz de Santo Antonio, com a configuração atual, foi reinaugurada em 1º de junho de 2018 totalmente transformada. 

 Revivendo História - Portal Cordero Virtual
Revivendo História
Por: Paulo César Tamiazo - Historiador - MTE nº 713/SP
Revivendo a Historia publica artigos periódicos sobre os mais variados temas da História de Cordeirópolis - https://orcid.org/0000-0003-2632-6546
Compartilhe:
MAIS ARTIGOS DESTE COLUNISTA

Outras Colunas:
Os conteúdos publicados por colunistas ou visitantes no Portal Cordero Virtual não expressam a opinião do Portal Cordero Virtual, sendo de responsabilidade de seus autores. Clique aqui e veja os Termos e Condições de Uso do Portal Cordero Virtual.

2001-2022 - Portal Cordero Virtual
CNPJ: 24.503.804/0001-71